Michael Phelps: a reconciliação que o colocou de volta ao pódium e criou um mito

A vida é a grande mestra de todas as lições. Os jogos olímpicos mostraram mais uma história que parece filme e que tantas lições pode nos ensinar: o grande retorno do atleta Michael Phelps às piscinas não foi o ato de maior coragem ou bravura!

Talvez, sua maior bravura foi a coragem de expor sua verdadeira história.

Talvez o maior feito foi a de relevar a sua dor ao mundo e a tantos jovens que talvez vivam ou tenham vivido histórias parecidas. Foi mostrar ao mundo de que um filho é sempre um filho e que, independente de quanto sucesso atinja, ele precisa, em sua alma, estar reconciliado com seus pais.

Neste documentário emocionante, Phelps corajosamente revela:

“Por muito tempo eu achei que eu era o bebê que iria juntar a família”.

Esta frase revela como é o amor  dos filhos por seus pais, como é um amor muitas vezes mágico e que é capaz de ir às últimas consequências.

Clique na imagem e assista a emocionante história de vida de um filho que amou seu pai até as últimas conseqüências.

Educando phelps

 

It's only fair to share...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Sê o primeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *